Oração à Iemanjá

Postado por
Álbuns, Canções, Escritos, Poemas, Sonho, Vídeos
WP Symposium Pro - Extensions Plugin
This demonstration has expired, please purchase a licence or uninstall the WP Symposium Pro Extensions plugin - get a valid licence code here.

Ó Iemanjá, rainha do mar, consagro-vos as minhas músicas para que possa celebrar a minha alegria e dividir o meu amor com todos que escutam. Recebei-me, ó Rainha incomparável, abençoai-me e iluminai-me por toda eternidade. Agradeço-vos, com todo amor do meu coração.

O carro chefe do meu álbum Sonho, Rio azul (Blues carioca), é uma canção de amor perdido cuja letra é uma alegoria à Iemanjá. Na época da gravação, também escrevi uma Oração à Iemanjá (leia abaixo da foto). Inclusive, no ensaio fotográfico do encarte do disco, faço uma oferenda de flores na praia (veja o ensaio aqui e os bastidores aqui). Ouça a canção Rio azul clicando no vídeo abaixo

Letra

Praia de solidão,
Dói no meu coração
O tempo passa bem devagar
Eu me lembro de você
Me lembro de você

Lua, prata no mar
Ondas vem pra quebrar
O meu amor vem pra me dizer,
“Eu me lembro de você.”
“Me lembro de você.”

Pegadas na areia
Pra onde não sei
Encontro a sereia
Que não consegue achar seu rei
Não consegue achar seu rei

Vento, cheiro de sal
Limpa tudo de mal
Se eu pudesse me perdoar
Estaria com você

Ficha técnica:
Michael Anthony Lahue (voz, piano, Rhodes piano elétrico, letra & arranjo)
Adriana Aparecida da Cruz (voz)
Michael Anthony & Glenn M. Taylor (violoncelo)
Sonoplastia (ondas do mar)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *